Início / Testemunhos Infiéis / Traio o meu marido e não pretendo parar – Testemunho

Traio o meu marido e não pretendo parar – Testemunho

Traio o meu marido e nao pretendo parar Testemunho

“Traio o meu marido e não pretendo parar” é o testemunho da Joana, uma das nossas leitoras mais assíduas. Ela resolveu partilhar connosco a sua história, de forma a encorajar todas as mulheres que têm receio de o fazer.

De forma a proteger a sua identidade, todos os nomes e localizações foram alteradas. Conheça o seu testemunho de seguida.

Traio o meu marido e não pretendo parar – Testemunho

“Boa tarde, o meu nome é Joana, tenho 38 anos e sou casada desde os 22. Tenho atualmente 2 filhos com 12 anos e trabalho remotamente a partir de casa.

Hoje resolvi partilhar o meu testemunho onde explico porque é que traio o meu marido, de forma a encorajar dezenas de mulheres, que querem trair o marido, mas que não têm coragem para tal.

Estou casada há 16 anos, e como todas as mulheres casadas o sabem, no início é tudo uma maravilha, no entanto, depois vêm os filhos, as tarefas domésticas e deixamos de ter tempo para nós, para nos mantermos sempre bonitas.

E esse foi o meu caso, comecei a desleixar-me um pouco durante os primeiros anos das crianças, tendo chegado inclusivamente a ganhar algum peso que não queria de nenhuma maneira desaparecer.

Nessa altura, o meu marido deixou de me dar tanta atenção, começou a trabalhar mais horas a partir de casa, e a relação acabou por arrefecer.

Houve um dia, em que resolvi dar a volta à minha vida. Inscrevi-me no ginásio, comecei a ter mais cuidado com a alimentação e montei a minha própria empresa.

Tenho um escritório perto de Paço de Arcos, onde por vezes vou, mas na grande maioria das vezes acabo por trabalhar remotamente com os meus colaboradores.

Há cerca de 8 ano atrás, tive uma reunião com um possível cliente, o Paulo, que era extremamente charmoso.

Embora não fossem necessárias, as reuniões foram-se sucedendo, com almoços e jantares de trabalho pelo meio.

Numa das tardes o Paulo, disse-me que sabia que eu era casada, mas que mesmo assim, sempre que me via ficava cheio de tesão.

Eu como também não sou cega, conseguia perceber que estava ali um pedaço de homem a fazer-se a mim descaradamente. Acabei por ceder, e ainda hoje fico muito grata por isso.

O Paulo era ótimo na cama, dava-me mais prazer do que qualquer outro homem, e mostrou-me todos os benefícios que o sexo sem compromisso poderia ter na minha vida.

Ainda hoje ele é cliente da minha empresa, e pontualmente ainda estamos juntos.

A partir desse dia, posso dizer que traio o meu marido, e não tenciono parar. Depois do Paulo, muitos outros homens já passaram na minha vida.

Por vezes sexo fugaz, outras tantas amizades coloridas…. O meu casamento continua a correr às mil maravilhas, e aquilo que não tenho em casa, procuro na rua e estou bastante bem servida.”

Este é o testemunho da Joana, que nos indica que “traio o meu marido e não pretendo parar”. Se tal como ela, quer partilhar connosco o seu testemunho, não hesite em fazê-lo. Todos os dados são confidenciais.

Veja Também

Festas de swing - Como mudaram a minha vida por completo

Festas de swing – Como mudaram a minha vida por completo

Hoje na comunidade Mulheres Infiéis apresentamos-lhe o testemunho da Paula, uma leitora do nosso blog …